2/22/2012

Alimentação Pós Carnaval


O saldo do carnaval normalmente é: muito cansaço, pouca energia, DTAs (Doenças Transmitidas por Alimentos) para alguns, mudança dos hábitos alimentares para outros, desidratação, entre outros. Uma dieta desintoxicante, que reponha as energias e aumente a imunidade para enfrentar as gripes, resfriados e infecções é uma boa sugestão.
 
Muito líquido, frutas suculentas, saladas cruas e proteínas fazem parte do cardápio desintoxicante: água mineral, de coco, chás, sucos naturais de frutas e delas com verduras e hortaliças, com pouco ou nenhum açúcar; melancia, abacaxi, lima, mamão, todas as verduras, legumes e folhosos crus, todos muito bem higienizados, assim como ricota, queijo minas, peixes, frango sem pele, iogurtes, leites fermentados e gelatinas.

Refeições leves de três em três horas, à base de grelhados ou massas integrais com molhos simples, à base de tomate com ervas como manjericão para realçar o sabor, nas grandes refeições e alimentos integrais ajudarão o organismo a trabalhar de forma mais segura e “tranqüila”, oferecendo a energia necessária.

Evite gorduras, frituras, os embutidos (linguiças, mortadelas, salsichas, salame e paio), os queijos amarelos, molhos com maionese e creme de leite.

Para repor o potássio perdido pela sudorese intensa e eliminação de líquidos, sugerimos a água de coco, o próprio coco verde, banana prata, beterraba crua, castanha de caju, torrada com sal, uva, polpa congelada de cupuaçu, de graviola, melão, kiwi, mamão, tomate crú com semente, romã, pinha, peito de frango sem pele e farinha de soja.

 Para reforçar o sistema imunológico, consuma muita:

•Vitamina A- para manter o número de linfócitos T circulantes, aumentando a resistência às infecções bacterianas, virais ou parasitárias: cenoura, abóbora, mamão, fígado, batata-doce, damasco seco e melão são boas fontes.
•Vitamina C- eleva a produção das células de defesa, aumentando também a resistência a infecções: acerola, frutas cítricas, kiwi, caju, morango e vegetais folhosos crus, lembrando que essa vitamina é facilmente perdida pela ação da luz e calor. Portanto, a utilização após o preparo de sucos ou abertura da fruta deve ser imediata.
•Vitamina E - interage com as vitaminas A e C e com o mineral selênio, protegendo as membranas celulares contra substâncias tóxicas: castanha- do -Pará, nozes, óleos de soja, girassol, milho e gema de ovo.
•Ácido Fólico - importante para formação dos leucócitos na medula óssea: vegetais folhosos verde escuro (espinafre, brócolis e couve) e fígado.
•Selênio pela sua capacidade antioxidante: alimentos marinhos, castanha do Pará, aves, carnes e fígado.
•Zinco: pela potencialidade na cicatrização e reparação de tecidos: leite, cereais integrais, feijões, peixes e carnes.
•Leites fermentados e Iogurtes (Probióticos): recompõem a flora intestinal;
•Alho: pela propriedade antibiótica;
•Gengibre: pela ação bactericida.



Converse com sua Nutricionista sobre os alimentos e quantidades para o seu caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário