4/23/2012

FOME OCULTA - O QUE É ISSO?



Fome é um estado fisiológico que é transmitido do sistema digestivo ao nervoso, acompanhado por sensações desagradáveis provocadas pela ausência de alimentos.
Descrição da Fome Oculta
A fome oculta é uma carência NUTRICIONAL de micronutrientes (vitaminas e minerais) no organismo. Ela se manifesta através da falta de nutrientes que não estão presentes na alimentação, ou seja, uma alimentação não adequada contribui para o desenvolvimento da fome oculta.
Trata-se de um problema que não faz distinção entre classes sociais, idade ou sexo e que já atinge cerca de um quarto da população mundial.
A fome oculta também é associada ao famoso “efeito sanfona” que ocorre nas dietas, quando o corpo acaba por recuperar todo o peso que fora perdido.
Sintomas
Os sintomas da fome oculta geralmente percebidos a longo prazo. São eles:
  • Dores musculares (quando o individuo pratica exercícios físicos e não repõem os nutrientes perdidos);
  • Fraqueza e conseqüentemente cansaço e indisposição;
  • Dificuldade de concentração;
  • Maior vunerabilidade a infecções.
As carências relativas às vitaminas irão variar de acordo com o tipo de vitamina que se encontra em deficiência (AB1B6B12CDE, etc.) sendo que cada uma irá apresentar uma conseqüência diferente por sua ausência. Já quanto às carências relativas aos minerais pode-se destacar a anemia (proveniente da ausência de ferro no organismo).
O perigo da fome oculta consiste na medida em que os sintomas passam despercebidos pelo indivíduo ao longo do tempo e aparece sob a forma de doenças como câncer, osteoporosehipertensão e problemas cardiovasculares. Isso ocorre porque os nutrientes que combatem essas doenças não estão presentes no corpo.
Formas de prevenção da fome oculta
A melhor forma de prevenir ou recuperar-se uma pessoa debilitada por tal problema é manter uma alimentação balanceada (rica em frutas, verduras e legumes, bem como em carboidratos e proteínas) que contenha os nutrientes necessários ao organismo. Os alimentos devem ser ingeridos sem excessos ou escassez, estabelecendo assim uma relação de proporção entre eles.
Evitar o consumo de alimentos industrializados como também o excesso de sal, gordura e açúcar.
Consulte um profissional nutricionista e converse a respeito do assunto ele indicará o plano alimentar mais adequado para o seu caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário